Estamos disponibilizando uma entrevista com um consultor ABAP.

Alex Pimentel

Alex Pimentel Publicado 01/06/2016 


Estamos disponibilizando uma entrevista com um consultor ABAP. Ela é um pouco antiga (2011) e agradecemos a boa vontade do consultor. 

Carlos Alberto Santos tem 29 anos e é consultor ABAP. Paulista e atualmente morando em Recife, dá consultoria SAP nas empresas na região Nordeste.

1. Como definiria a profissão de consultor ABAP?
R.: ABAP é a linguagem de programação do SAP considerado o maior sistema de gestão empresarial mundial. Para iniciar como consultor ABAP a pessoa deve ter uma boa lógica de programação, interessante que já tenha trabalhado com outras linguagens) e bons conhecimentos de banco de dados, já terá 80% de aprovação em sua iniciação na carreira. Facilidade de inglês técnico para leitura.

2. Quais as principais áreas de atuação da sua profissão?
R: O consultor ABAP sempre trabalha na área de TI de uma organização, porém ele pode trabalhar com diversos ramos de atividade, isso depende do negócio da empresa. Exemplo: Hospitais, Indústrias, Varejo, etc…

3. Como é a sua rotina, quais as suas principais atividades?
R: Generalizando, desenvolver os programas de acordo com a necessidade do cliente. Exemplos: Criar relatórios, tabelas, programas com processamento de arquivos(.TXT,.XLS), etc. Existe o consultor(a) de negócios que chamamos de consultor(a) funcional SAP e o Key-User. O consultor(a) funcional é a pessoa que entende do processo do cliente com o Key-User que é o usuário chave do cliente e faz o levantamento de dados e informações de tudo o que precisa ser feito/desenvolvido e cria um fluxograma para que o ABAP desenvolva.

4. Qual a sua formação acadêmica e profissional?
R: Sou formado em Tecnologia em Processamento de dados na FIAP de São Paulo, sou consultor ABAP há sete anos, passei por consultorias e empresas diversas.

5. Qual a formação que um estudante deve buscar para se tornar um bom consultor ABAP?
R: Alguma formação na área de tecnologia, voltado para área de desenvolvimento de sistemas é o mais indicado, mas nada impede que pessoas de outras áreas possam tentar ingressar, será muito mais trabalhoso é claro, mas se a pessoa começar a gostar, não há problemas.

6. Como é o mercado de certificações?
R: A prova para tirar a certificação só pode fazer quem faz a academia oficial da SAP. A regra muda de tempo em tempo, pode dar uma olhada no site da SAP. Na minha opinião, a certificação é importante e bacana quem tem, mas não é um diferencial em muitas das vezes. O mercado é tão escasso de consultores que muitos recrutadores não fazem tanta questão de selecionar somente quem tem a certificação e sim quem tem experiência e vivência como consultor. Dizem que a certificação ABAP é uma das mais difíceis dentre os módulos do SAP, pois eles fazem perguntas muito técnicas, e tudo é em inglês as apostilas e a prova, paga-se um valor e marca o dia da prova, tem que tirar a nota 5 no mínimo se não me engano. Há diversos simulados e materiais na internet que ajudam bastante antes de fazer a prova, e também o simulado da própria academia.

7. Qual a faixa salarial de um consultor ABAP?
R: Isso varia muito por região geográfica, como qualquer outra profissão e também depende muito da necessidade do cliente, mas acredito que a faixa salarial está entre R$20,00/hora a R$100,00/hora. Existem casos isolados que já ouvi falar de um consultor que estava em um projeto no interior de SP em que ele estava ganhando R$140/hora.

8. Qual o perfil profissional de um consultor ABAP?
R: Existem consultores que trabalham dentro das consultorias dando suporte que chamamos de fábrica de software, lá a pessoa tem uma grande estrutura de desenvolvimento, onde haverá vários outros consultores ABAP que o ajudarão no crescimento profissional a maioria são trainees. E existem os consultores que trabalham diretamente nos clientes que chamamos de “Body Shop” que muitas vezes depende totalmente da sua própria vivência no mundo SAP. Não esquecendo também que a exigência do idioma inglês está cada vez maior.

9. Quais são os tipos de empresas que o profissional pode trabalhar?
R: Pode trabalhar em todos os ramos de atividade em que a empresa tem o SAP. Grandes empresas aqui no Brasil e no mundo. Eu diria que o céu é o limite para esse profissional. Eu fiz um intercambio de inglês na Austrália e sei que lá há muitas demandas para consultor ABAP também.


Fonte: https://profissoesemti.wordpress.com/2011/09/21/entrevista-com-um-consultor-sapabap/

 

Voltar ao topo